Patrick Andrey (Face a Face) quer trazer a orquestra Kreyol Majestic Senfonik para o festival Baía das Gatas

O músico Patrick Andrey, membro do famoso grupo de zouk Face a Face, confessou ao Mindelinsite a sua vontade de voltar a actuar no palco da Baía das Gatas, para ele o melhor festival de Cabo Verde e um dos mais fascinantes do mundo. Este cantor, que está envolvido em dois projectos musicais, um deles uma orquestra sinfónica, assegurou que vai manifestar o quanto antes à Câmara de S. Vicente o seu desejo de voltar a pisar a Baía com o colega Jim Rama, dos Face a Face, ou com os Unity 4 Zouk, o seu mais recente grupo. No entanto, ainda há uma terceira e mais ambiciosa opção: trazer a orquestra Kreyol Majestic Senfonik, composta por 50 instrumentistas franceses de formação clássica, a sua nova coqueluche.

Patrick Andrey está ciente do custo que a deslocação da orquestra sinfónica pode acarretar, mas mostra-se aberto a analisar essa questão com a Câmara de S. Vicente, se houver interesse. Em caso de impossibilidade, está disposto a cantar com o seu antigo colega dos Face a Face ou então mostrar as novidades do seu grupo actual, os Unity 4 Zouk. Este agrupamento já tem um trabalho discográfico no mercado, composto por 15 músicas gravadas ao vivo.

“Tenho óptimas lembranças do festival da Baía das Gatas, para mim o melhor das ilhas de Cabo Verde. É um festival de grande nível, muito bem organizado”, diz o artista, que actuou no evento em 2013.

Residente na França, Patrick, 51 anos, está concentrado neste momento na montagem da referira orquestra sinfónica. Como explica, a ideia é interpretar músicas tradicionais da Martinica no estilo clássico das orquestras. Ele próprio escreve as partituras das composições que serão interpretadas apenas a nível instrumental. “Não haverá voz”, afirma Patrick Andrey, que quer dar enfoque ao género mazurka das Antilhas e não descarta a possibilidade de incluir uma mazurka cabo-verdiana no reportório da Kreyol Majestic Senfonik.  

Patrick Andrey, que estudou música em 1994 e iniciou a sua carreira dois anos mais tarde com o grupo Cab Love, confessa manter uma forte ligação com Cabo Verde, não fosse ele namorado de uma crioula de S. Vicente. No entanto, ganhou projecção internacional com os Face a Face, grupo onde fez dupla com Jim Rama e actuou no musical da Baía das Gatas. Após uma carreira de sucesso, optaram por seguir caminhos a solo, mas, segundo Patrick, isso não representou um divórcio litigioso. Prova disso é que há duas semanas actuaram na Martinica como os Face a Face. Aliás, esse cantor está disposto a regressar ao festival da Baía das Gatas enquanto Face a Face, se for esta a proposta aceite pela edilidade mindelense.

Kim-Zé Brito

2 COMENTÁRIOS

  1. PEDIDO DE SOCORRO URGENTE, DIRIGIDO ÀS SEGUINTES ENTIDADES (NACIONAIS E INTERNACIONAIS):

    – À Organização das Nações Unidas;
    – À União Europeia;
    – À União Africana, CPLP e CEDEAO;
    – Ao Presidente Chinês;
    – Aos presidentes da Papua Nova Guiné, Nauru e Nicarágua;
    – Ao Pagé da tribo de índios “Tupi”;
    – Ao Presidente da República de Cabo-Verde;
    – Ao Presidente da Assembleia Nacional;
    – Ao Primeiro-Ministro;
    – Ao Tribunal Constitucional;
    – Ao Supremo Tribunal;
    – Ao Trubunal de Contas;
    – À Procuradoria Geral da República;
    – Às diferentes Ordens profissionais do país.
    – Às Forças Armadas;
    – À Polícia Nacional;
    – À Polícia Judiciária;
    – À ADECO;
    – À Assossiação dos Amigos da Natureza;
    – Ao Club Sportivo Mindelense;
    – À assossiação desportiva, recreativa e cultural Ponta d’Pom;
    – Aos Mandingas de S.Vicente;
    – Ao grupo de teatro Somá Cambá;
    – Ao conjunto Kings;
    – À malta de canal.

    Por favor, ,o povo de S.Vicente pede encarecidamente a todas as entidades supra-citadas e as demais que a elas queiram se assossiar, que não fujam às vossas responsabilidades humanas e que façam todo o vosso esforço e empenho, no sentido de procurar convencer o actual presidente da Câmara Municipal de S.Vicente, Augusto Neves, a não se voltar a candidatar mais.
    Estaremos dispostos a colaborar.
    Poderemos fazer uma campanha popular de angariação de fundos, para lhe oferecer em troca, tudo o que ele quizer e pedir:
    Desde viagens para lugares paradisíacos, bilhetes de entrada em grandes espectáculos internacionais, gelados dos sabores que ele mais gosta, enfim, prometemos tudo fazer por ele e pela sua satisfação, se ele tiver esse gesto singelo e maravilhoso de decidir não ser mais candidato à Câmara de S.Vicente.
    Obrigado pela atenção!!
    Seria um acto de enorme magnanimidade para com um povo que merece ter razões para ter um pouco de orgulho.

    O POVO AGRADECE ESSE GESTO DE MORABEZA E DE SOLIDADRIEDADE!!

  2. Face a Face não é um grupo famoso na França ou nas Antilhas, eles são quase desconhecidos. Os seus videos no Youtube tem pouco visualizações, muito menos do que nos artistas nacionais, temos que parar de acreditar as mentiras “das estrelas internacionais” que querem dar show em CV…

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here